Cartografia visual, subjetiva, social, crítica

Enviado por aarquivista, ter, 2019-11-12 00:56


Porto Alegre / Rio de Janeiro

 

Curso de extensão com Cristina Ribas (org.), com Lucas S. Icó e Sinthia Cristina Batista

Apresentação

Como nos situamos? Como apresentamos (ou representamos) nossas relações sociais, e na macropolítica? Nossa sensibilidade? Nossas estratégias de localização e movimento? Quais são os recursos gráficos, semióticos, estéticos que vem sendo produzidos por métodos cartográficos contemporâneos? Que relações se estabelecem entre campos do saber, dentro, fora e através da universidade e dos saberes situados?

As três oficinas Cartografia visual, subjetiva, social, crítica querem oferecer à comunidade universitária uma prática inter e transdisciplinar aqui realizada a partir das artes visuais e da geografia. Queremos proporcionar a experimentação de ferramentas e conceitos ao redor da cartografia visual, subjetiva, crítica e social – como forma de localizar-se, relacionar-se e de apresentar ou representar a relação com o território a partir de narrativas e lutas sociais. Vamos partilhar saberes e produzir um relatório final da atividade a ser publicado (e compartilhado nas redes).

Público-alvo

Alunos da graduação e da pós graduação, alunos de todos os cursos da UFRGS, pesquisadores, historiadores, críticos de arte, professores, sociedade em geral.

A atividade faz parte do Programa Histórias e Práticas Artísticas, coordenado por Camila Schenkel e Lilian Maus.

 

*Sobre os encontros

As oficinas acontecem em três encontros de 3h cada, os ministrantes vão relacionar uma oficina à outra, encadeando o trabalho e a conversa. Ao final será produzido um relatório de pesquisa a ser compartilhado publicamente pelos três ministrantes, com aporte dos participantes, se houver. Certificados de participação serão conferidos.

Dia 01

Oficina Cartografia subjetiva e visual: experiências nas artes, em coletivos e em lutas socais, com Cristina Ribas (UFRGS)

Data: 07/11/2019, das 14 às 17h30

Local: Atelier Livre da Prefeitura (Auditório)

 

Dia 02

Oficina (Re)significando redes de resistência, com Lucas S. Icó (UFRJ)

Data: 14/11/2019, das 14 às 17h30

Local: Atelier Livre da Prefeitura (Auditório)

 

Dia 03

Oficina Cartografia crítica e social, com Sinthia Cristina Batista (UFRGS)

Data: 21/11/2019, das 14 às 17h30

Local: Instituto de Artes da UFRGS (sala 703 A)

 

Bibliografia (com alguns links)

Batista, Sinthia Cristina. "Construindo uma cartografia camponesa." 2014 https://desarquivo.org/node/31730

Batista, Sinthia Cristina. "Uma cartografia camponesa?"  2016 https://desarquivo.org/node/31729

Basbaum, Ricardo. Além da Pureza Visual. Porto Alegre: Editora Zouk, 2007.

Basbaum, Ricardo.  Diagrams, 1994, ongoing. Berlin: Errant Bodies Press: 2016.
 
Edufactory & Universidad Nómada, La Universidad en Conflicto: Capturas y fugas en el mercado global del saber. Madrid: Traficantes de Suenos.
 
Escossia, L; Kastrup, V; Passos, E. (org). Pistas para o método da cartografia. Porto Alegre: Sulina, 2009.
 
kollectiv orangotango. This is Not an Atlas: A Global collection of counter-cartographies. Verlag/Bielefeld: Transcript / Rosa de Luxemburg Stifund 2018.
 
Iconoclasistas (Julia Risler e Pablo Aires). Manual de mapeo colectivo: recursos cartográficos críticos para processos territoriais de criação colaborativa. Buenos Aires: Tinta Limón e os editores, 2013.
 
Ingold, Tim. "O dédalo e o labirinto: caminhar, imaginar e educar a atenção" Em: Horizontes Antropológicos, Porto Alegre, 2015. https://desarquivo.org/node/31732 
 
Guattari, Félix. As três ecologias. Campinas: Ed. Papirus, 1990. 
 
Bergson, Henri. A Evolução criadora. Martins Fontes, São Paulo, 2005.
 
Colectivo Situaciones, 2004, «Algo más sobre la Militancia de Investigación. Notas al pie sobre procedimientos e (in)decisiones» Em: Malo, M (2004)
 
Colectivo Situaciones, 2009, Inquietudes en el impasse. Buenos Aires: Tinta Limón Ediciones
 
Colectivo Situaciones, 2004. Sobre el militante investigador. http://desarquivo.org/node/858
 
Deleuze, Gilles; Guattari, Félix. Mil platôs - capitalismo e esquizofrenia.( Trad.. Ana Lúcia de Oliveira e Lúcia Cláudia Leão). Rio de Janeiro: Ed. 34, 1995.
 
 
Gilbert, J., 2014, Common ground: Democracy and Collectivity in an Age of Individualism. London: Pluto Press
 
Guattari, F. 2008 (1992). Caosmose. Um novo paradigm ético-estético. São Paulo, Rio de Janeiro, Ed. 34.
 
Guattari, F., 1992. Por una refundación de las prácticas sociales. http://aleph-arts.org/epm/practicas.html
 
Guattari, F., 2013b, Schizoanalytic Cartographies. London, New York: Bloomsbury Academic
 
Guattari, Felix. Revolução Molecular. Pulsações Políticas do Desejo. São Paulo: Brasiliense, 1987.
 
Guattari, Felix. Suely, Rolnik. Micropolítica cartografias do desejo. 9. ed. Petrópolis: Vozes, 2005.
 
Holmes, B., 2009, Guattari's Schizonanalytic Cartographies. In: Continental Drift. [Article] Available at <http://brianholmes.wordpress.com/2009/02/27/guattaris-schizoanalytic-cartographies> [Acessed in June 2013]
 
Jaboksen, J., 2013b, “The pedagogy of negating the institution” [Article] Mute Magazine .
 
Jakobsen, J. and Slater, H., 2002, “To Transfigure. To Organise”. [Text] Copenhagen Free University. Available at <http://www.copenhagenfreeuniversity.dk/trans.html> [Accessed July 18th 2013]
 
Kastrup, V.; Passos, E. and Tedesco, S., 2008, Políticas da cognição,  Porto Alegre: Sulina
 
Lazzarato, M., As Revoluções do Capitalismo. Rio de Janeiro: Ed. Record, 2008.
 
Maturana, H., 2001. Cognição, Ciência e Vida Cotidiana. Belo Horizonte: Editora da UFMG
 
Maturana, H., 2002. Emoções e Linguagem na Educação e na Política. Belo Horizonte: Editora da UFMG
 
Maturana, H, and Varela F., 1980. Autopoiesis and Cognition: The Realization of the Living. D New York/Boston/London: Reidel Publishing Company.
 
Molina, Marta Malo de, 2004, Nociones Comunes, parte 1: La encuesta y la coinvestigacion obreras, autoconciencia
 
Molina, Marta Malo de, 2004, “Nociones Comunes, parte 2: del análisis institutional a experiencias contemporaneas entre investigacion y militancia”. (artigo) Disponível em: <http://eipcp.net/transversal/0707/malo/es> (acessado em 10/10/2017)
 
Murmurae (Manuela Zechner e Paula Cobo-Guevara). Situating Ourselves in Displacement: Constituencies, Experiences and Subjectivity across Neoliberalism and Precarity. Wivenhowe/Leipzig: Minor Compositions & JOAPP, 2016.
 
Precarias a la Deriva.  A la devira por los circuitos de la precariedad feminista. Madrid: Traficantes de Sueños, 2003. 
 
Pelbart, Pál Peter, 2013, O avesso do niilismo – Cartografias do Esgotamento / Cartography of Exhaustion: Nihilism inside out. (bilingual edition portuguese/english) São Paulo/Helsinki: n-1 Edições
 
Política do Impossível. Cartografia política da ação comum. Ed. do grupo de artistas. São Paulo, 2007.
 
Precarias a La Deriva, 2004b, “De preguntas, ilusiones, enjambres y desiertos. Apuntes sobre investigación y militancia desde Precarias a La Deriva [Madrid]”, in Malo, M. (2004) Nociones Comunes, Madrid: Traficantes de Sueños
 
Rolnik, Suely. Cartografia sentimental: Transformações Contemporâneas do Desejo. Porto Alegre, RS: Sulina, Editora da UFRGS, 2011. 
 
Ribas, Cristina T.. "Complexidade, Cartografia de". Revista Indisciplinar, UFMG, Belo Horizonte, 2017.
 
Ribas, Cristina. Cartografia de complexidade (versão).
 
Ribas, Cristina, 2013. “Contemporâneo... recombinante. Em busca de uma recomposição imanente das práticas artísticas”. Em: Amanhã vai ser maior, Giuseppe Cocco e Bruno Cava (org.), Rio de Janeiro Annablume, 2014 / ou Editorial Revista Periódico Permanente #2, do Fórum Permanente
 
Sargentelli, Lucas. Grupo de Caminhadas. Ediciones Portunhol, Casa Tomada, 2017. São Paulo. Grupo de caminhadas, 2015-2016. Capacete entretenimentos / Instituto Torcuato Di Tella / URRA. Rio de Janeiro e Buenos Aires. https://issuu.com/lucas.sargentelli/docs/lsargentelli_ed._portunhol_final
 
Shukaitis, S & Graeber, D. (ed.), 2007. Constituent Imagination: Militant Investigations // Collective Theorization. Oakland/London, AK Press
 
Tible, Jean; Moraes, Alana e Tarin, Bruno. Cartografias da emergência – Novas Lutas no Brasil. São Paulo: Friedrich Ebert Stiftung, 2015. 
 
Varela, F., Thompson, E and Rosh, E., 1991, The Embodied Mind: Cognitive Science and Human Experience. MIT Press.
 

Zechner, Manuela. "Subjetividade e coletividade: problemas de relação". Em: Cadernos de Subjetividade, Núcleo de Subjetividade, PUC/SP. 

https://desarquivo.org/node/31659


2019


Compartilhe na rede

Comentários

Adicionar Comentário

Se logue ou se registre para poder enviar comentários